Quando o titular de um cartão de crédito contacta o seu banco para iniciar a reversão de um pagamento efetuado com o cartão de crédito, dá-se um estorno. Os estornos acontecem por diversos motivos. No entanto, são frequentes quando o titular do cartão de crédito muda de ideias, está insatisfeito com a compra ou comunica uma utilização não autorizada do cartão.

Como ajudamos os nossos parceiros
O nosso sistema de deteção de fraudes ajuda a reduzir o risco de transações fraudulentas nas reservas efetuadas através do nosso site, diminuindo, assim, o risco de estornos relacionados com fraude. A nossa equipa especializada trabalha “nos bastidores” para recolher as informações necessárias e contestar estornos em seu nome relativos a pagamentos processados na nossa plataforma.

Seguem-se algumas dicas gerais que poderão ajudar a reduzir o risco de um estorno iniciado pelo viajante:
  • Defina e cumpra as regras da casa e a política de cancelamento. A melhor forma de se proteger é indicar claramente o que espera dos viajantes e respeitar as políticas de reembolso e cancelamento que estabeleceu.
  • Forneça uma descrição correta da propriedade, uma lista atualizada das comodidades e fotografias recentes.
  • Mostre proatividade e capacidade de resposta. Tente resolver atempadamente quaisquer problemas dos hóspedes, antes que se transformem em conflitos.
  • Registe por escrito todas as conversas que teve com o viajante antes, durante e após a estadia, bem como através da nosso sistema de mensagens seguro. Confirme todos os acordos e políticas por escrito, incluindo eventuais reembolsos.
  • Sempre que possível, emita um reembolso através da nossa plataforma e no mesmo método de pagamento da transação original. Se proceder ao reembolso fora da plataforma, certifique-se de que regista todos os detalhes através do nosso sistema de mensagens seguro.